×

Aprenda como negociar no mercado Forex Negociação com criptomoeda Moedas de Negociação Escolhendo a corretora certa do Forex Curso para iniciantes Free Forex Trading O que são Forex Pips, alavancagem, margem e lotes? Conhecendo os pares de moedas e seus diferentes aspectos Resumo sobre a análise fundamental e a análise técnica O uso da análise técnica do Forex A importância da análise fundamental no Forex Ė necessário usar a psicologia para ser um trader de sucesso! Encontrando o melhor corretor do Forex online Aviso Legal Ganhar dinheiro com Forex Análise de risco forex e dicas de gerenciamento Sobre nós Como investir em ações Search

Moedas voláteis e mercados emergentes

February 13, 2019 Posted in Uncategorized by No Comments

Volatilidade é definida como uma ‘tendência a mudança rápida e imprevisível’. No Forex este é um termo que é freqüentemente referido e é usado ao definir a quantidade de risco ou incerteza envolvida com as mudanças que ocorrem dentro de uma taxa de câmbio da moeda.

A alta volatilidade é um indicador de que o preço de uma moeda pode mudar drasticamente em qualquer direção durante um curto período de tempo.

Baixa volatilidade é um indicador de que o preço de uma moeda tem um valor que muda gradualmente ao longo do tempo, sem mudanças dramáticas.

Para um trader do forex, maior volatilidade significa que o par de moedas é mais arriscado para negociar. Ao visualizar um instrumento técnico, a medição da volatilidade refere-se ao desvio padrão, durante um período de tempo específico, da alteração no valor de um par de moedas. Este não é um indicador da direção; é sobre as flutuações do par de moedas. Uma moeda volátil aumentará e diminuirá muito mais rapidamente que um par de baixa volatilidade.

Embora a maior volatilidade indique um alto risco, também indica as oportunidades de maiores lucros, o que faz parte de sua atração também para os corretores de dia.

Mercados emergentes capturam o interesse de investidores estrangeiros

As moedas “G10” são os principais pares de moedas negociadas neste mercado de trilhões de dólares. Pares de moedas como USD / CHF, USD / JPY, EUR / USD e GBP / USD tendem a ser menos voláteis do que USD / KRW, USD / ZAR e USD / BRL de países emergentes. Moedas como o dólar americano e o franco suíço são vistas como moedas de “porto seguro”. Quando o risco entra no mercado sob qualquer forma, embargo comercial, problemas políticos, Brexit; os traders tendem a migrar para essas moedas e, embora possam variar em valor em relação a outras moedas, elas não se desviam significativamente de um e de outro, evitando que experimentem alta volatilidade.

2018 viu o aumento no mercado de câmbio de países emergentes. Com isso representando 17% da média dos volumes spot diários. Uma percentagem que subiu 7% em relação a 2015. Na primavera, os volumes emergentes de negociação forex aumentaram 34,6% em comparação com o ano anterior. As moedas do G10 tiveram um aumento de 3%.

Preocupações geopolíticas, ameaças específicas de cada país, guerra comercial entre a China e os EUA contribuíram para as mudanças dramáticas na volatilidade que ocorreram no meio do ano “18”. Moedas como a Lira Turca e até o Yuan Chinês ficaram sob pressão, à medida que as atividades nesses países se intensificaram.

O que esperar de 2019? Seguem algumas dicas para os traders:

  • Fique de olho na volatilidade e no potencial de mudança das moedas que estão sendo negociadas.
  • Ajuste o tamanho de posição de acordo com a volatilidade. O aumento da volatilidade indica que os traders devem reduzir seus tamanhos de posição.
  • Aprenda sobre volatilidade, o que é, seu efeito e como medi-la. Também fique ciente dos efeitos que a volatilidade pode causar.
  • Moedas de alta volatilidade são mais propensas ao slippage– onde o pedido pode ser executado sem um limite de perda de parada devido a eventos sem precedentes.
  • Determine o tamanho da sua posição ao negociar pares de moedas de alta volatilidade.

Fatos-chave para lembrar sobre volatilidade e negociação

  1. Use um calendário econômico para acompanhar todas as notícias de eventos importantes, como o Brexit ou os embargos comerciais.
  2. Mantenha-se atualizado com as últimas notícias do forex.
  3. Use a análise técnica combinada com princípios abrangentes de gerenciamento de risco para obter uma vantagem na negociação de pares de moedas voláteis. Lembrando que ainda seguem aspectos técnicos como linhas de tendência, padrões de preços, suporte e níveis de resistência.